30 de outubro de 2011

dhanyabaad


Read more...

21 de outubro de 2011

para um olhar


Read more...

15 de outubro de 2011

15 de outubro de 2011



E é o mar que traz o futuro momento
Em que a onda se desfaz onde outra enrola o vento
Chega ao eco contínuo do presente, esse som
bebido na babugem do instante.
Frente ao mar, dando às costas da areia
o pensamento infante, sopra o tempo.

O olhar é um ciclo bretão ou um cantar de amigo
Um líquido sussurro, uma doce maresia,
Sobe aos olhos a flor, essa forma do vento:
Espuma e sal, pele e astros a arder,
Tenra raiz do tempo.
Verde como o pinhal, alta como fogueira,
Erguida em chão, a terra fumegante de mar,
Enfim clareia.

Read more...

13 de outubro de 2011

verdurous white marble


Read more...

blue scaler at poon hill

Read more...

red scaler in patan


Read more...

12 de outubro de 2011

sem título



Read more...

11 de outubro de 2011

painted instant

a água que vês a fio
desde sempre cai a fio

as gotas são-no de outra forma

Read more...

7 de outubro de 2011

sem título


Read more...

4 de outubro de 2011

da noite feita sem flash


Read more...

2 de outubro de 2011

pokhara serenity lake




Read more...

1 de outubro de 2011

chitwan, from the end


Read more...

  © Blogger templates ProBlogger Template by Ourblogtemplates.com 2008 | The Blog Full of Games

Back to TOP