2 de agosto de 2011

micro narrativas

As gaivotas ao anoitecer ficam pousadas na areia, voltadas para o Sol como se o venerassem. Estranhamos isso, porque já perdemos o hábito.

1 dpi:

Sereia* 19/8/11 17:26  

Ou então...
não estranhamos.
Porque há coisas em nós
que não nos abandonam a pele.
Ou que não deixamos partir,
como os dias e as noites partem...

;) saudades de te ler*

  © Blogger templates ProBlogger Template by Ourblogtemplates.com 2008 | The Blog Full of Games

Back to TOP